O portal do Sistema Opinião

POP9

teatro

rn

Musical “Elza” terá dupla apresentação em Natal

Espetáculo foge do formato convencional das biografias musicais e mostra de forma alegre a trajetória da cantora

Janeiro 10, 2019 às 12:19 - Por: Redação OP9

Sete atrizes dão vida a cantora apresentando a trajetória em um musical cheio de história. Foto: Leo Aversa

Sete atrizes dão vida a cantora apresentando a trajetória em um musical cheio de história. Foto: Leo Aversa

Um tributo a uma das principais vozes da música brasileira, Elza Soares, ganha o palco do Teatro Riachuelo, em Natal, no próximo fim de semana. As atrizes Janamô, Júlia Tizumba, Késia Estácio, a potiguar Khrystal, além de Laís Lacôrte, Larissa Luz e Verônica Bonfim encarnam as várias fases da vida da cantora em um musical cheio de história.

Com sessões no sábado (12), às 21h, e no domingo (13), às 20h, o espetáculo Elza foge do formato convencional das biografias musicais. Além dos personagens interpretados diversas atrizes ao mesmo tempo, a estrutura do texto foge da organização cronológica.

O espetáculo foi concebido para reafirmar a presença da cantora de 81 anos, cuja carreira foi marcada por reviravoltas e renascimentos, entre as grandes estrelas da música do Brasil. Seus últimos dois discos, A Mulher do Fim do Mundo (2015) e Deus é Mulher (2018), não somente ampliaram o repertório e o imenso leque de fãs de Elza, mas também conquistaram a crítica internacional.

Apesar das grandes tragédias pessoais que marcaram a vida da cantora, como a morte dos filhos e do jogador Garrincha  com quem ela se relacionou por muito tempo —, a violência doméstica e episódios de intolerância, o musical retrata a jornada de Elza de forma alegre, a pedido expresso da cantora. “Elza me disse: ‘Sou muito alegre, viva, debochada. Não vai me fazer um musical triste, tem que ter alegria”. Isso foi ótimo, achei importante fazer o espetáculo a partir deste encontro, pois ele me deu base para saber como Elza se via e como ela gostaria de ser retratada’, conta Vinicius, responsável pelo texto do espetáculo.

O musical já conquistou inúmeros prêmios, entre eles o Reverência nas categorias Melhor Espetáculo, Melhor Direção, Melhor Autor e Melhor Arranjo. Outra conquista foi o Prêmio APCA de Melhor dramaturgia, seis indicações no Prêmio Cesgrario: Melhor figurino, Melhor Iluminação, Categoria especial, Melhor Direção, Melhor Direção Musical em Teatro Musical, Melhor espetáculo e uma indicação no Prêmio Shell de Melhor Música.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: