O portal do Sistema Opinião

POP9

Queima

rn

Festival Burning Man no Brasil será em Baía Formosa, no RN

Praia fica a 97 quilômetros de Natal e em 2021 receberá empreendimento composto de dois resorts e vila de alto padrão, o primeiro Six Senses da América

Fevereiro 11, 2019 às 20:30 - Por:

Burning Man no Brasil será de 20 a 24 de junho, no Rio Grande do Norte. Foto: Tuval Rabina/Burning Man

Burning Man no Brasil será de 20 a 24 de junho, no Rio Grande do Norte. Foto: Tuval Rabina/Burning Man

A edição brasileira do Burning Man, festival norte-americano de contra-cultura promovido no deserto de Black Rock, nos Estados Unidos, será em Baía Formosa, cidade litorânea que fica a 97 quilômetros de Natal. A praia é conhecida como a terra de Ítalo Ferreira, atleta potiguar que é destaque no Circuito Mundial de Surf.

A edição do festival no Brasil foi batizada de “Tropical Burn”. Na página oficial consta a data (de 20 a 24 de junho) e também a confirmação de que o evento acontecerá no Rio Grande do Norte. Mas o local exato ainda era desconhecido.

Leia também:
Ítalo Ferreira, da tampa de isopor para o 4º lugar no Mundial de Surfe
Potiguar vence etapa de Bali e é líder do Circuito Mundial de surfe

A informação foi obtida nesta segunda-feira (11). Outra indicação de que Baía Formosa foi o lugar escolhido para receber o Burning Man no Brasil é que o site oficial (em inglês), já informa numa das abas sobre os eventos regionais um lugar chamado “Fazenda Estrela”, em Baía Formosa, como a área onde acontecerá o festival no Brasil.

Em junho, quando o Tropical Burn está marcado para acontecer, pessoas de todo o Brasil devem viajar até a praia para experimentar um pouco do que é esse festival que começou despretensiosamente em 1986, e que hoje atrai cerca de 70 mil pessoas.

Ideia nasceu a partir de brincadeira na praia há 32 anos

Nos Estados Unidos, onde é realizada a versão original do evento, o Burning Man dura 10 dias. E faz surgir uma verdadeira cidade temporária no meio do deserto de Black Rock, no estado de Nevada. Ao final dos 10 dias, tudo é incendiário. Menos os veículos, claro.

A “brincadeira” começou em 1986, em Baker Beach, São Francisco, quando o carpinteiro Larry Harvey queimou um homem de madeira na praia, para entreter o filho pequeno. Alguns amigos participaram junto com eles e dessa faísca surgiu a ideia de repetir a experiência no ano seguinte. A tradição de queimar o homem de madeira foi mantida. Mas hoje em dia ele se tornou uma estrutura gigante.

A ideia principal do Burning Man é que ele seja uma experiência onde pessoas possam exercer sua criatividade e liberdade sem preocupações rotineiras. Para isso, o evento orquestra toda uma organização prévia e muito planejada. As imagens a seguir dão uma ideia melhor do que é o Burning Man.

Local do Burning Man no Brasil terá empreendimento polonês

A praia de Baía Formosa, que receberá o Tropical Burn, também foi escolhida pelo grupo Polonês Eco Estrela para receber um empreendimento formado por dois resorts e uma vila de alto padrão. Batizado de Six Senses Spa Formosa Bay, a construção está prevista para ser entregue em 2021, daqui a dois anos.

Esse será o primeiro Six Senses da América, com capacidade de gerar 400 empregos diretos e até 4 mil indiretos. Em 2015, o grupo procurava um local no Rio Grande do Norte. O grupo é conhecido por suas propriedades de luxo sustentáveis, prioriza locais longe de centros urbanos e opera pelo menos 11 resorts e 31 spas em 20 países.

Everton Dantas

Jornalista. Editor do OP9 no RN

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: