O portal do Sistema Opinião

POP9

Luto

rn

“Quem pega carro bêbado e dirige, é assassino”, diz pai de dançarina

Corpo de Gislâne Cruz do Nascimento, 26 anos, foi sepultado no Cemitério Parque, no município de Macaíba na manhã desta segunda-feira

Maio 20, 2019 às 09:45 - Por: Redação OP9

Uma mistura de dor e revolta marcam esta segunda-feira (20), dia de velório e sepultamento do corpo da professora de dança Gislâne Cruz do Nascimento, 26 anos, morta em acidente grave na Avenida Omar O´Grady, conhecida como prolongamento da Prudente de Morais, na manhã do domingo (19). A dançarina e rainha do carnaval de Parnamirim em 2019 seguia como passageira de motorista de aplicativo quando o carro foi atingido por outro veículo na contramão.

O pai de Gislâne Cruz, Jailson Wanderley, espera justiça pela morte da filha, mas está desacreditado na punição. “Minha filha era espetacular. Espero justiça, mas é difícil acreditar que isso vai acontecer. A Justiça deveria levar isso como se fosse um assassinato, mas a lei não trata assim. A pessoa que pega um carro bêbado e dirige dois quilômetros na contramão e faz isso, um cara desse é um assassino, um tremendo assassino”, ressaltou.

O carro que invadiu a faixa contrária e provocou o acidente era conduzido por Josias Teixeira de Morais, 62 anos, oficial de justiça do TJRN, que foi preso em flagrante por dirigir alcoolizado. O oficial de justiça fez o teste de bafômetro e foi preso.

Leia também:
Álcool e imprudência encerram sonhos de dançarina em acidente
Mulher morre em acidente grave no prolongamento da Prudente de Morais

Professora de dança Gislâne Cruz do Nascimento, 26 anos, morreu em acidente grave na manhã de domingo (19), em Natal. Foto: Analyson Miqueias/TV Ponta Negra

Professora de dança Gislâne Cruz do Nascimento, 26 anos, morreu em acidente grave na manhã de domingo (19), em Natal. Foto: Analyson Miqueias/TV Ponta Negra

Gislâne Cruz tinha uma carreira artística. Era professora de dança formada pela UFRN e ensinava nos colégios Salesianos de Natal e Parnamirim. As escolas decretaram luto oficial, as aulas estão suspensas nesta segunda-feira nas duas escolas, e o corpo da professora  foi velado na capela do Salesiano Dom Bosco, em Nova Parnamirim. Familiares, professores e alunos prestam as últimas homenagens à professora Gis, como era carinhosamente conhecida, desde a noite de domingo (19).

Às 10h da manhã desta segunda-feira (20), o corpo da professora foi sepultado no cemitério parque Vila Flor, no município de Macaíba, Região Metropolitana de Natal.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: