O portal do Sistema Opinião

POP9

POLÊMICA

pe

Shevchenko & Elloco: revolta por tratamento de “maloqueiros”

Dupla conhecida pelo hit Chapuletei, da “dança do passinho”, foi retirada do palco no Recife de forma agressiva e debate sobre discriminação social chegou à internet

junho 8, 2019 às 13:24 - Por: Redação/ OP9

Chamados para serem uma das atrações do Baile do Rosa, na Oficina Cerâmica Francisco Brennand, no Recife, os MCs Shevchenko & Elloco foram retirados do palco de modo agressivo e se queixaram, nas redes sociais, de serem alvos de discriminação social. O episódio aconteceu na manhã deste sábado (8), com o dia já claro, quando a dupla só havia apresentado duas músicas.

Shevchenko se irritou principalmente por ter sido chamado de “maloqueiro”. Segundo ele, funcionários da empresa contratada para os shows teriam afirmado: “Sai do palco, bando de maloqueiro safado”.

“Para tu me chamar de maloqueiro, tu tem que ver a minha história. Sou criado na favela, na comunidade, no tráfico e nas drogas, mas nunca me envolvi com essa maloqueiragem falada”, desabafou Shevchenko.

Postado às 7h, o vídeo com o desabafo já havia sido curtido por 91 mil pessoas até o meio-dia. Fãs da dupla criaram a hastag #eusoumalokeirovencedor, em consideração e revolta pelo ocorrido.

Ainda pela manhã, Elloco postou uma nota de esclarecimento no seu perfil oficial no Instagram, criticando a postura de um produtor: “Como pode derramar tanto ódio em nós se só estávamos ali pra fazer o show e fomos CONTRATADOS para isso”. Leia abaixo a íntegra do texto.

View this post on Instagram

Bom dia Brasil, [ NOTA DE ESCLARECIMENTO] Pouco triste pelo acontecido no #BaileDoRosa Todos que foram la pra ver Shevchenko e Elloco não merecia ser do jeito q foi. Pagaram seus ingressos pra ver todas as atrações independente do horário de cada uma chegamos antes do combinado pra cumprir o nosso show e fomos prejudicados por uma má conduta de uns produtores da festa, Que falou que estava certo o horário para cumprir o show completo a hora fechada no ato do contrato, estávamos no palco fazendo o show mais fomos tirados, e insultados como nunca aconteceu antes em lugar nenhum do maior ao menor lugar de show em minha carreira a pessoa destratou a mim e as pessoas que trabalha na minha banda, falando “ LAVRA SEUS MALOQUEIROS LAVRA” , Como pode derramar tanto ódio em nois se só estávamos ali pra fazer o show e fomos CONTRATADOS para isso, se o evento é de grande porte muitas pessoas muitas mesmo estavam pra ver nos também é pq eles queriam. Então o respeito era pra ter em primeiro lugar Independente se eu vim de baixo e estou Almejando lugares q nunca pensei mais a música me faz passar isso sou vencedor igual a qualquer outra atração q estava ali pra fazer o seu show. Peço desculpa a todos q foram pra ver o show e não foi completo por causa de alguns produtores do evento q não queria q acontecesse limitando a apresentação esperada por muitos, não foi culpa nossa estávamos ali pra realizar o show e não arrumar intriga com ninguém. Só exigimos respeito e que independente de atração da festa. Cada um tem o seu valor e se está ali e por merecimento e não foi forçado não. Desculpa a todos que foram ver o show completo e viu oq viu, Bola pra frente queria só agradecer a todos que foram pra ver a isso não vai atrapalhar o nosso projeto não. #BregaFunk #DeusÉMinhaBaseNinguemMeDerruba🙏🏾

A post shared by PRAZER, PARECE NÉ | BREGAFUNK📍 (@ellocooficial) on

A festa, com ingressos vendidos a R$ 220, foi produzida pela agência Delux, conhecida pela realização de eventos no Bairro do Recife. A redação da Portal OP9 entrou em contato com a empresa, mas não obteve retorno nem por telefone ou por redes sociais.

Shevchencko e Elloco ficaram conhecidos nacionalmente com o hit Chapuletei, da “dança do passinho”. A dupla virou um fenômeno no Recife, lotando as casas de shows por onde passa.

Shevchenko pede respeito para a produção da Agência Delux. Vídeo: Divulgação

Por meio de nota divulgada no domingo (9), a agência Delux lamentou o ocorrido e afirmou que nada justifica a forma como a dupla foi tratada. No entanto, relatou que os músicos precisaram entrar antes no palco por conta de um voo e que por isso a apresentação precisou ser interrompida. Confira a nota na íntegra:

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: