O portal do Sistema Opinião

POP9

Nossa História

pe

Estreia de turnê foi inesquecível para fãs de Sandy e Junior

“Contar dezessete anos de história assim, tão resumidamente, é muito difícil gente. Cada música que ficava de fora era uma pontadinha no coração”, disse Sandy aos fãs que compareceram ao Classic Hall

julho 13, 2019 às 12:39 - Por:

Finalmente o show mais esperado do ano pelos fãs de Sandy e Junior aconteceu nesta sexta-feira (12), e as sensações dos fãs após o retorno da dupla não podiam ser mais próprias: “Inesquecível”, definiram. A primeira apresentação da turnê, que celebra os 30 anos de carreira dos filhos de Xororó e Noely (que compareceram ao show) no Classic Hall, no Centro de Convenções, em Olinda, foi marcada por emoção.

Sandy, Junior e principalmente os fãs, não contiveram as lágrimas e abraçaram o momento do reencontro esperado por 12 longos anos.

Leia também:
Fãs já estão na porta do Classic Hall à espera de Sandy e Junior
Doze anos depois, Sandy e Junior reencontram fãs em show no Recife
Fãs relembram shows e momentos com Sandy e Junior
Vai curtir Sandy e Junior em Recife? Saiba o que pode e o que é proibido
Sandy e Junior vão gravar DVD no RJ para encerramento da turnê
Justiça apura irregularidades nos ingressos de Sandy e Junior
Fãs de Sandy e Junior acampam em fila para garantir ingressos

Mesmo depois do fim do show, de quase duas horas, boa parte dos presentes ficou esperando por algo mais – um bis, por pelo menos mais cinco minutos após a última música. Ao todo, foram 31 sucessos relembrados, com o uso de mashups e medleys.

“Foi maravilhoso, ainda estamos chorando. Superou as novas expectativas, mas queríamos mais”, relatou um grupo de amigas que permaneceu ao lado do palco com camisetas personalizadas. Embora muitos tenham achado tudo perfeito, alguns fãs sentiram falta de músicas mais antigas, de quando eles ainda eram crianças. “Atendeu às expectativas, mas sentimos falta de músicas como Maria Chiquinha e Aniversário do Tatu“, relatou outro grupo.

“Foi muito difícil montar esse setlist. Contar dezessete anos de história assim, tão resumidamente, é muito difícil gente. Parecia uma escolha de Sofia, cada música que ficava de fora era uma pontadinha no coração”, disse Sandy aos fãs, pouco antes de dar início à um dos momentos mais íntimos do show.

Começando o medley com Inveja, os irmão sentaram na beirada do palco para cantar outras quatro músicas no momento mais íntimo entre artistas e público, apenas com as vozes e um violão.

Junior esteve visivelmente mais emocionado durante toda a apresentação. O músico presenteou a plateia com um solo de bateria e uma coreografia protagonizada por ele em meio à interpretação de Enrosca. Mas foi enquanto cantava Não é Fácil Viver Assim que ele deixou que a emoção tomasse conta.

“Foi a minha infância, é inesquecível, é a nossa história”, disse Mariana Nunes. Foto: Rafael Reynaux

“Eu escutei Sandy e Junior desde que nasci. Como minhas irmãs são mais velhas que eu, elas escutavam desde pequenas, então eu cresci ouvindo. Foi a minha infância, é inesquecível, é a nossa história”, contou a engenheira Mariana Nunes, 25 anos.

As músicas mais esperadas e ovacionadas pelo público foram A Lenda, Turu-Turu – que estampava a grande maioria das camisetas do público – e Vamu Pulá, que fechou o primeiro show de Nossa História e deixou um “gostinho de quero mais” nos fãs.

Ao todo, foram 31 sucessos relembrados, com o uso de mashups e medleys. Foto: Gabriela Castello Buarque

Gabriela Castello Buarque

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: