O portal do Sistema Opinião

POP9

Desenvoltura

pe

Em aula no Recife, Fátima e Túlio caem no passinho do maloka

Apresentadora mostrou gingado e simpatia dançando o hit Barulho da Kikada ao lado de estudantes do pré-vestibular gratuito oferecido por alunos UFPE

Março 24, 2019 às 11:40 - Por: Redação OP9

Não bastasse ter pulado carnaval, ter mostrado desenvoltura no frevo e abraçar com gosto a cultura popular pernambucana, a apresentadora Fátima Bernardes, em evento no qual acompanhava o namorado, o deputado federal Túlio Gadêlha (PDT) no Recife, caiu no passinho do maloka, ritmo popular que vem ganhando fama no estado. O flagra ocorreu depois que Fátima participou como palestrante, ao lado de Túlio, durante uma aula promovia pelo Programa Rumo à Universidade, mantido por estudantes da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) que oferece preparação pré-vestibular gratuita para alunos que não têm condição de pagar por um cursinho.

Fátima participou como palestrante, ao lado de Túlio, durante uma aula promovia pelo Programa Rumo à Universidade. Foto: Instagram/Reprodução

Fátima participou como palestrante, ao lado de Túlio, durante uma aula promovia pelo Programa Rumo à Universidade. Foto: Instagram/Reprodução

A dancinha foi flagrada em imagens publicadas no Instagram. Nelas, a apresentadora aparece dançando a música Barulho da Kikada, dos MCs Reino, Niago e Seltinho Coreano, um dos hits do carnaval do Recife. Te falei que essa garota/É malvada, é especialista/E tira braba na sentada/Paga de santa, toda acanhada/Tá chamando atenção/Com o barulho da kikada, diz a letra da música. No trecho da filmagem, Fátima acompanha os estudantes fazendo os passos do refrão, que diz Ta, ta, ta/Ta, ta, ta/É o barulho que ela faz/Quando começa a kikar.

Na sua conta do Instagram, Túlio também postou fotos da palestra e o momento em que o casal dança o passinho, acompanhado de um grupo de estudantes que parecem ensinar a pegada. “Na aula de hoje, minha convidada especial foi dividir com estudantes da rede pública sua experiência enquanto aluna de escola pública. E no final, fomos nós que aprendemos com eles. Já vi que levo jeito pra coisa!”, escreveu ele na legenda da galeria publicada.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: