O portal do Sistema Opinião

POP9

Ônibus

pe

Reunião sobre aumento das passagens será no dia 12 de fevereiro

Encontro estava marcado originalmente para esta sexta (25), mas um mandado de segurança expedido pela Justiça nesta quinta (24) impediu que o tema fosse colocado em debate

Janeiro 25, 2019 às 12:13 - Por: Redação OP9

Com o aumento, o preço do anel A pode passar de R$ 3,20 para R$ 3,70, uma diferença de 50 centavos. Foto: TV Clube/Reprodução

Com o aumento, o preço do anel A pode passar de R$ 3,20 para R$ 3,70, uma diferença de 50 centavos. Foto: TV Clube/Reprodução

A discussão sobre o aumento das passagens de ônibus no Recife terá um mais capítulo importante no próximo mês. Foi marcada para o dia 12 de fevereiro a reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM), que irá discutir o reajuste da nova tarifa. O encontro estava marcado originalmente para esta sexta-feira (25), mas um mandado de segurança expedido pela Justiça nesta quinta-feira (24) impediu que o tema fosse colocado em debate, embora o CSTM tenha se reunido.

Leia também:
Manifestantes realizam ato contra aumento das passagens de ônibus

A liminar do juiz Teodomiro Miranda, da 4ª Vara da Fazenda Pública, determina que o aumento das passagens só poderá voltar à pauta do CSTM depois de dez dias, a contar da data em que a proposta foi protocolada. O Estado ainda recorreu da decisão, mas o pedido foi negado pelo desembargador Waldemir Tavares Filho. Segundo o magistrado, o presidente do conselho não cumpriu o prazo do regimento interno para agendar a reunião.

O CSTM é formado por 24 membros que representam o governo, os empresários, o legislativo e a sociedade civil.  Na segunda-feira (21), as empresas de ônibus propuseram um aumento de 16,18% nas tarifas. O preço do anel A pode passar de R$ 3,20 para R$ 3,70, uma diferença de R$ 0,50. O Grande Recife Consórcio De Transporte defende um reajuste de 7%. Os movimentos sociais defendem que os representantes da sociedade civil não tiveram tempo hábil para sugerir um valor. Na visão das entidades, a passagem deveria ser mais barata do que atualmente.

Ontem, movimentos sociais promoveram um ato contra o aumento das passagens, no Centro do Recife. Os manifestantes se concentraram na Avenida Guararapes, em frente aos Correios, e seguiram até o Palácio do Campo das Princesas, onde uma comitiva foi recebida pelo Governo do Estado.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: