O portal do Sistema Opinião

POP9

ESTELIONATO

pe

Professores da Universidade Federal de Pernambuco são vítimas de golpe

Suspeitos ligaram para os docentes se passando por membros do jurídico da Adufepe e pediram depósitos de taxas para recebimento de pagamento de dívidas

Março 21, 2019 às 20:26 - Por: Redação OP9

Campus Recife da Universidade Federal de Pernambuco. Foto: UFPE/Divulgação

Campus Recife da Universidade Federal de Pernambuco. Foto: UFPE/Divulgação

Quatro professores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) foram vítimas de um golpe aplicado por uma quadrilha que se passava por membros do jurídico da Associação de Docentes da Universidade Federal de Pernambuco (Adufepe). De acordo com a entidade, os suspeitos ligavam para as vítimas e informavam que elas tinham quantias a receber de dívidas com a unidade de ensino, no entanto, para ter direito ao benefício, os educadores precisavam fazer depósitos de taxas de custos.

“Ligou um rapaz se identificando como Rafael, disse que era da Adufepe e informou que o nome do meu pai estava numa lista para recebimento dessa dívida. Depois, pediram depósitos na conta do tabelião, alegando que havia uma taxa de legalidade”, detalhou uma das pensionistas vítimas do golpe. A professora chegou a realizar um depósito de R$ 5.380. Além de conversar com os suspeitos por telefone, ela também trocou mensagens com via Whatsapp, quando a quadrilha pediu os comprovantes de depósito.

A Associação dos Docentes tomou conhecimento do caso e acionou a Polícia Civil. O caso foi registrado na Delegacia da Várzea. “Quando há necessidade desse tipo de situação, a gente pede que o associado compareça ao sindicato, jamais pedimos pelo telefone”, advertiu o advogado Theobaldo Pires. Ele ainda informou que, uma vez caído no golpe, é necessário informar imediatamente ao banco responsável pela conta fornecida pelos suspeitos para que seja feito o bloqueio da conta. “A gente já identificou contas no Banco do Brasil, Caixa Econômica e Santander. O comunicado deve ser feito para que os bancos realizem o bloqueio indicando que é uma conta fraudulenta para a aplicação de golpes”.

O advogado orienta as vítimas a registrarem ocorrência na Delegacia da Várzea, de preferência, onde a Associação registrou ocorrência sobre o estelionato e também crime cibernético para que o delegado conclua o inquérito com as informações que venham a surgir.

Mais informações – A Delegacia da Várzea fica localizada na Rua Dona Maria Lacerda, número 123, no Recife. A Associação dos Docentes da UFPE também está à disposição dos associados para esclarecimento de dúvidas através do telefone (81) 3036-2250 ou na sede da própria Adufepe, na Avenida dos Economistas, no campus da UFPE.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: