O portal do Sistema Opinião

POP9

violência

pe

Jornalista é agredida e ameaçada de estupro ao sair de zona eleitoral

Agressão aconteceu quando a repórter estava saindo do local de votação e os agressores a abordaram

outubro 8, 2018 às 07:28 - Por: Redação OP9

Uma jornalista de 40 anos foi agredida ao sair de uma zona eleitoral, nesse domingo (7), em Campo Grande, Zona Norte do Recife. De acordo com a vítima, que teve o rosto e os braços cortados, ela foi espancada e ameaçada de estupro por dois homens na rua.

A agressão aconteceu quando a repórter estava saindo do local de votação e os agressores a abordaram, segurando-a pelo braço. “Eles disseram que quando o comandante ganhasse, a imprensa toda ia morrer”, relatou. Segundo a vítima, um dos agressores usava a camisa do candidato à presidência Jair Bolsonaro.

A jornalista também relatou ter sido ameaçada de estupro. “Um deles disse: ‘vamos logo estuprar ela (sic)’. O outro afirmou que era melhor me cortar toda”. Em seguida, eles feriram rosto e braços da mulher. Durante a ação, a dupla se assustou com um barulho de uma buzina e fugiu do local.

A vítima registrou um boletim de ocorrência na Delegacia do Espinheiro. A Polícia Civil já está investigando o caso e trabalhando na identificação dos suspeitos. Eles devem responder por lesão corporal.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: