O portal do Sistema Opinião

POP9

DENÚNCIA

pe

Funcionária transporta moto em ambulância para fugir de blitz. Veja

Servidora do Hospital Belarmino Correia, em Goiana, foi afastada do cargo. Secretaria Estadual de Saúde solicitou o desligamento do motorista de empresa terceirizada

outubro 3, 2019 às 17:09 - Por: Redação OP9

Uma funcionária de um hospital público em Goiana, na Região Metropolitana do Recife, flagrada em um vídeo usando uma ambulância para transportar a própria moto, foi afastada do cargo. As imagens que circularam nas redes sociais mostram a motocicleta da servidora sendo colocada no veículo de resgate destinado aos pacientes do Hospital Belarmino Correia, que pertence à rede estadual de saúde. O autor da filmagem, que não aparece no vídeo, comenta que a servidora usou o transporte de pacientes porque não queria ser parada em uma blitz montada no entorno da unidade de saúde.

Nas imagens, a funcionária aparece ainda com o uniforme branco e é ajudada por dois homens, incluindo o motorista da ambulância. Eles suspendem a motocicleta e a colocam no espaço interno do carro destinado aos pacientes em deslocamento. Em seguida, a própria servidora entra no veículo, fecha a porta traseira, e o carro deixa o hospital.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) repudiou o episódio e informou que solicitou o desligamento do motorista da ambulância à empresa terceirizada responsável pelo veículo.  Já a funcionária, que não teve o nome revelado, já está afastada das suas funções e vai responder a um processo administrativo “aberto para que a mesma seja desligada definitivamente do serviço público”.

Nota da Secretaria Estadual de Saúde:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) repudia a situação ocorrida em Goiana e informa que já determinou à empresa responsável pela ambulância o desligamento imediato do motorista. Já com relação à funcionária do Hospital Belarmino Correia, a SES informa que ela já foi afastada de suas funções e um  processo administrativo foi aberto para que a mesma seja desligada em definitivo do serviço público. 

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: