O portal do Sistema Opinião

POP9

PATRIMÔNIO

pe

Deputadas entregam pedido de tombamento do Edifício Holiday

Solicitação que pretende salvar edifício foi protocolada na Secretaria de Cultura de Pernambuco

Março 22, 2019 às 20:05 - Por: Redação OP9

O Edifício Holiday, em Boa Viagem, tem 476 apartamentos, onde moram cerca de 3 mil pessoas. Imagem: Google Street View/Divulgação

O Edifício Holiday, em Boa Viagem, tem 476 apartamentos, onde moram cerca de 3 mil pessoas. Imagem: Google Street View/Divulgação

O coletivo Juntas, formado por cinco codeputadas estaduais, apresentou nesta sexta-feira (22) um pedido de tombamento do Edifício Holiday, em Boa Viagem, zona sul do Recife. A solicitação protocolada na Secretaria de Cultura de Pernambuco pretende, segundo as parlamentares, “salvar o patrimônio histórico e arquitetônico do Estado e ao mesmo tempo garantir a habitação com dignidade às pessoas que ali residem”.

Alvo de uma determinação judicial de despejo, apenas sete dos 467 apartamentos permaneciam ocupados até esta sexta-feira. Um cronograma de retirada de todos os moradores e pertences foi estabelecido pela Polícia Militar. Em caso de tombamento, o Governo de Pernambuco ficaria obrigado a assumir com os moradores a tutela compartilhada do imóvel, buscando soluções conjuntas para a sua reestruturação.

Um dos primeiros arranha-céus de Pernambuco, o Holiday é um dos marcos arquitetônicos da capital pernambucana e segue a linha modernista que caracterizou muitas construções do Recife a partir da década de 1950. “A preservação desse patrimônio merece integral apoio do Estado, especialmente pelo motivo de que é um edifício ocupado majoritariamente por pessoas de baixa renda. Sem o apoio do poder público, os moradores ficarão à míngua, e, por consequência, o prédio também”, reforça codeputada Jô Cavalcanti (PSOL), que representa o coletivo.

Da Secretaria de Cultura, o documento seguirá para a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), onde será emitido um parecer de viabilidade de tombamento. Se for considerado viável, o pedido seguirá para o Governo de Pernambuco para aprovação ou não da proposta.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: