O portal do Sistema Opinião

POP9

Defesa

pb

Secretário executivo de Turismo renuncia após ser preso na Calvário

Ivan Burity foi detido na manhã desta quarta-feira (9) na 5º fase da operação que investiga desvios de recursos públicos na saúde e educação do estado

outubro 9, 2019 às 14:57 - Por: Redação OP9

Foto: Facebook/Reprodução

Foto: Facebook/Reprodução

Preso nesta quarta-feira (9) na quinta fase da Operação Calvário, que investiga desvios de recursos públicos na saúde e educação da Paraíba, o secretário executivo de Turismo da Paraíba, Ivan Burity, renunciou ao cargo. No pedido, Ivan alega que esse momento requer dedicação integral na sua defesa.

Leia também:
Quinta fase da Operação Calvário prende secretário de turismo da PB
Quarta fase: Operação Calvário cumpre 19 mandados em João Pessoa
Operação Calvário: Gaeco investiga envolvimento de dez pessoas
MPPB cumpre mandados contra secretária de Administração da Paraíba
Julgamento da Cruz Vermelha: envolvidos devem devolver R$ 8,9 mi
Deputados paraibanos articulam criação da CPI da Cruz Vermelha
Gaeco desarticula organização criminosa na Cruz Vermelha
MPPB deflagra segunda fase da Operação Calvário. Secretários são alvos
Calvário: “Não se pode nem julgar nem condenar por antecipação”
Ricardo Coutinho mantém silêncio e promotores investigam campanhas

Carta de renúncia do secretário-executivo de turismo da Paraíba, Ivan Burity. Foto: Facebook/Reprodução

Carta de renúncia do secretário-executivo de turismo da Paraíba, Ivan Burity. Foto: Facebook/Reprodução

Além do ex-secretário, a operação cumpriu 28 mandados, três deles de prisão preventiva e 25 de busca e apreensão na Paraíba, no Rio de Janeiro, em São Paulo, no Paraná e em Alagoas. Na Paraíba, além das três prisões, estão sendo cumpridos 11 mandados de busca e apreensão nas cidades de João Pessoa, Santa Rita e Mataraca.

Os 25 mandados de busca e apreensão foram em desfavor de Aléssio Trindade de Barros, José Arthur Viana Teixeira, Ivan Burity de Almeida, Pousada Potiguara/Camaratuba, Conesul Compercial e Tecnologia Educacional Eireli, Márcio Nogueira Vignoli, Hilário Ananias Queiroz Nogueira, Editora Grafset, Vladimir dos Santos Neiva, J.R. Araújo Desenvolvimento Humano Eireli/Editora Inteligência Relacional (este com localização em Ribeirão Preto/SP e Maceió/AL), Jardel da Silva Aderico, Antônio Carlos de Souza Rangel, Henaldo Vieira da Silva, Giovana Araújo Vieira, Mário Sérgio Santa Fé da Cruz, Eduardo Simões Coutinho, José Aledson de Moura, Instituto de Psicologia Clínica Educacional e Profissional (IPCEP) e Brink Mobil Equipamentos Educacionais (este último estabelecido em Colombo/PR, Curitiba/PR, Campina Grande do Sul/PR e São Paulo/SP).

As ordens foram emitidas pelo desembargador relator do processo em curso no Tribunal de Justiça da Paraíba, Ricardo Vital de Almeida, atendendo a requerimento do Ministério Público da Paraíba.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: