O portal do Sistema Opinião

POP9

Ameaças

pb

Envolvidos no suposto ataque a escola de Campina Grande são detidos

Suspeitos estudam na mesma escola no bairro Malvinas, onde ataque aconteceria. Caso teve repercussão após circularem prints contando detalhes da ação

Maio 24, 2019 às 09:13 - Por: Redação OP9

Envolvidos estudam na Escola Estadual Carlos Drummond de Andrade no bairro Malvinas. Foto: Reprodução/ TV Borborema

Envolvidos estudam na Escola Estadual Carlos Drummond de Andrade no bairro Malvinas. Foto: Reprodução/ TV Borborema

Um adolescente de 16 anos foi apreendido e um estudante de 19 anos detido suspeitos de planejarem um ataque dentro de uma escola em Campina Grande, no Agreste paraibano, para o dia 29 de maio. A denúncia partiu de um familiar de um adolescente de 17 anos que, de acordo com o registro policial, teria sido convidado para participar da ação junto com os outros dois. Por negar o convite, ele teria recebido ameaças de morte. A polícia ouviu os envolvidos na noite da quinta-feira (23) na Central de Polícia.

As ameaças sobre o suposto ataque começaram a circular nas redes sociais na quarta-feira (22), onde prints da Deep Web explicavam como aconteceria a ação. Após a polícia tomar conhecimento do caso, rondas intensivas começaram a ser realizadas nos arredores de escolas de Campina Grande. Os três envolvidos no caso estudam na Escola Estadual Carlos Drummond de Andrade, no bairro Malvinas, onde aconteceria o ataque.

A polícia teve acesso ao celular dos três e havia a existência de áudios explicando os detalhes de como ocorreria e no final o convite ao adolescente de 17 anos. Eles foram encaminhados para a Central de Polícia, e liberados após assinarem um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: