O portal do Sistema Opinião

POP9

Santa

br

Comitiva dos três Poderes vai à canonização de Irmã Dulce na Itália

Comitiva será capitaneada pelo vice-presidente Hamilton Mourão e terá os chefes do Legislativo e do Judiciário e 19 parlamentares. Integrantes da comitiva que viajam acompanhados de suas mulheres informaram que as despesas serão pagas separadamente

outubro 10, 2019 às 20:28 - Por: Mariana Haubert e Daniel Weterman (Agência Estado)

or sua solidariedade ao próximo, irmã Dulce ficou conhecida como Anjo Bom da Bahia (Divulgação)

or sua solidariedade ao próximo, irmã Dulce ficou conhecida como Anjo Bom da Bahia (Divulgação)

A comitiva que representará o governo brasileiro na cerimônia de canonização de Irmã Dulce na Santa Sé, na Itália, será capitaneada pelo vice-presidente Hamilton Mourão e terá os chefes do Legislativo e do Judiciário e 19 parlamentares.

Os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, além do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, integram o grupo que viajaria nesta quinta-feira, 10. A volta está prevista para o início da próxima semana.

A Secretaria de Imprensa da Presidência da República não informou, até a publicação deste texto, o quanto será gasto com a viagem. Os nomes dos representantes do governo brasileiro foram oficializados no Diário Oficial da União desta quinta-feira. Sete senadores e 12 deputados e o secretário de Transportes Metropolitanos de São Paulo, Alexandre Baldy, compõem comitivas oficias do Congresso. Baldy viaja a convite de Maia e disse que pagará suas despesas.

Integrantes da comitiva que viajam acompanhados de suas mulheres – caso de Mourão, Alcolumbre e Maia – informaram que as despesas serão pagas separadamente. Maia e Alcolumbre afirmaram que ficarão hospedados na Embaixada do Brasil em Roma. Alcolumbre disse ainda que não receberá as diárias a que tem direito. Segundo regras da Câmara e do Senado, a diária para deputados é de US$ 428 e para senadores, de US$ 416.

O ex-presidente da República José Sarney, o procurador-geral da República, Augusto Aras, o embaixador do Brasil na Santa Sé, Henrique da Silveira Sardinha Pinto, e o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), que também participam da cerimônia de canonização, disseram que pagarão a viagem do próprio bolso. A canonização de Irmã Dulce será realizada na manhã de domingo na Praça de São Pedro, no Vaticano.

Na semana passada, a Coluna do Estadão mostrou que a viagem de Augusto Aras custaria R$ 67,5 mil ao cofres do Ministério Público Federal. Depois, no entanto, o procurador-geral da República disse que iria custear suas despesas com recursos próprios. Pelas estimativas do próprio Ministério Público Federal, a passagem de Aras em classe executiva sairia por R$ 22,1 mil.

O procurador-geral também abriu mão de sete diárias que a Procuradoria custearia, no valor de R$ 13,6 mil. Viajam com ele os subprocuradores-gerais Alcides Martins e Maria das Mercês Gordilho Aras, mulher do PGR. Aras pediu licença do cargo entre os dias 9 e 15 de outubro para representar a instituição no evento no Vaticano.

Na semana passada, Rodrigo Maia disse que o compromisso no Vaticano não atrapalharia o andamento dos trabalhos da Câmara, já que o evento aconteceria em dias em que os deputados normalmente não estão em Brasília.

No Senado, porém, a viagem de parlamentares causou ruído na agenda da reforma da Previdência, que já havia sido comprometida pelo impasse em torno da liberação de recursos para Estados e municípios.

Veja quem são os deputados e senadores que viajam para a Itália:

Deputados

  • André Fufuca (PP-MA)
  • Celio Studart (PV-CE)
  • Elmar Nascimento (DEM-BA), líder do DEM
  • José Rocha (PL-BA), líder do PL
  • Daniel Almeida (PCdoB-BA), líder do PCdoB
  • Adolfo Viana (PSDB-BA)
  • Arthur Oliveira Maia (DEM-BA)
  • Eduardo da Fonte (PP-BA)
  • Flávio Nogueira (PDT-PI)
  • Leur Lomanto Júnior (DEM-BA)
  • Nelson Pellegrino (PT-BA)
  • Paulo Azi (DEM-BA)

Senadores

  • Jaques Wagner (PT-BA)
  • Angelo Coronel (PSD-BA)
  • José Serra (PSDB-SP)
  • Weverton (PDT-MA)
  • Roberto Rocha (PSDB-MA)
  • Elmano Férrer (PODEMOS-PI)
  • Ciro Nogueira (PP-PI)

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: