O portal do Sistema Opinião

POP9

Política

pb

“João Pessoa vive um momento de autoamor”, diz prefeito

Luciano Cartaxo se refere à gestão e ao sentimento do pessoense frente ao projeto do PV

junho 22, 2018 às 13:13

Costumo falar que para entender o texto é preciso conhecer o contexto. Então, antes de continuar a leitura, sugiro que você acompanhe o vídeo abaixo.

O tom humanizado tem marcado o discurso de Luciano Cartaxo. É fácil perceber isso também nas falas do irmão dele, Lucélio, pré-candidato ao governo da Paraíba.

A expressão “autoamor”, no entanto, causa estranheza. Seria, pelo que se percebe no vídeo, uma espécie de autoestima elevada à décima potência.

Jogar confete e serpentina na própria gestão é fazer com que isso se reverta em voto para o irmão gêmeo. Levar o discurso para o campo emocional é pura estratégia.

É também o retrato do momento. O discurso vago, pouco consistente prevalece sobre o técnico porque as prioridades não foram definidas visto que as coligações ainda não foram fechadas. Ainda não há um projeto de governo.

Mas essa pegada genérica, subjetiva, deve perder espaço quando a campanha começar de fato. Pelo menos é o que se espera. Porque amor é bom, mas políticas públicas, projetos que tragam desenvolvimento, efeitos práticos na vida das pessoas são fundamentais.


Rejane Negreiros

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: