O portal do Sistema Opinião

POP9

Gastos

rn

Auditorias em contratos no RN devem gerar economia de R$ 80 milhões

Além dessas revisões o governo do estado informou que conseguiu economiar pelo menos R$ 15 milhões graças às medidas de controle de gastos decretadas no início do ano

Abril 10, 2019 às 20:30 - Por: Everton Dantas

O controlador-geral do RN, pedro Lopes, explica que outras auditorias estão em andamento. Foto: Everton Dantas/OP9

O controlador-geral do RN, Pedro Lopes, explica que outras auditorias estão em andamento. Foto: Everton Dantas/OP9

O governo do estado estima ter uma economia de pelo menos R$ 80 milhões com auditorias que estão sendo promovidas em contratos. A informação é da Controladoria Geral do estado (Control), responsável por coordenar esse trabalho e revisão de contratos e melhora do uso de recursos.

De acordo com informações da Control, esses R$ 80 milhões são a estimativa apenas para o trabalho feito nesse primeiros 100 dias de governo. E isso se refere apenas a contratos ligados à Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas).

A Control está auditando os programas “Restaurante Popular”, “Café Cidadão” e “Sopa Cidadã” e já identificou que há diferenças significativas entre o que é pago e o que é entregue. Nesta quinta-feira (11) será feita uma apresentação sobre o que a administração Fátima Bezerra (PT) fez nos seus 100 primeiros dias de governo.

Leia também:
Fátima decreta estado de calamidade financeira no RN

De acordo com o controlador-geral do estado, o auditor fiscal Pedro Lopes de Araújo Neto, também estão em andamento auditorias nos programas “Transporte Cidadão” e no “Programa do Leite”. “Uma estimativa conservadora que estamos fazendo é de que ao fim desse trabalho inicial já se possa economizar R$ 80 milhões apenas nesses contratos”, disse o controlador.

Além desses contratos, também serão feitas auditorias no Departamento de Trânsito, na Central de Abastecimento (Ceasa) e nos contratos de alimentação do sistema penitenciário.

A folha salarial do RN também passará pelo mesmo trabalho. De acordo com o controlador, há suspeitas de que “haja implantações irregulares de alguma maneira em contracheques de servidores”.

Comparativo de despesas do governo nos primeiros trimestres de 2018 e 2019. Fonte: Control

Comparativo de despesas do governo nos primeiros trimestres de 2018 e 2019.

Gastos com diárias, passagens e outros itens caem em média R$ 15 milhões

De acordo com o governo, as despesas com pagamento de diárias, aluguel e abastecimento da frota de veículos, publicidade, passagens aéreas e material de expediente forma reduzidas em pelo menos R4 15 milhões no primeiro trimestre.

Segundo informações da Control, a média mensal desses gastos em 2018 foi de R$ 7.694.279,22. Em três meses, isso equivale a cerca de R$ 22 milhões. Este ano, com as medidas de economia a média tem sido de R$ 2.664.661,37. No trimestre isso equivale a R$ 7,8 milhões.

Caso o governo consiga manter esse ritmo, a economia anual será de pelo menos R$ 60 milhões, quando comparados os gastos médios apresentados pelo governo com relação a 2018 e 2019.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: