O portal do Sistema Opinião

POP9

Relações

rn

Assista a abertura do Encontro Econômico Brasil-Alemanha em Natal

Evento está acontecendo no Centro de Convenções da capital do Rn e conta com a presença do presidente da República em Exercício, general Hamilton Mourão

setembro 16, 2019 às 09:50 - Por: Everton Dantas

Encontro Econômico Brasil Alemanha é promovido pela CNI. Foto: CNI

Encontro Econômico Brasil Alemanha é promovido pela CNI. Foto: CNI/Divulgação

A Confederação Nacional da Indústria promove nesta segunda-feira (16) o 37º Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA), no Centro de Convenções de Natal. O evento conta com a participação do presidente da República em exercício, Hamilton Mourão. Assista abaixo a abertura do evento, ao vivo:

Além de Mourão também estão presentes alguns governadores do Nordeste, que na tarde desta segunda-feira participarão de reunião do Consórcio do Nordeste. A abertura do EEBA foi feito pelo presidente da CNI, Robson Andrade. Para ele, o Encontro “contribuirá para identificar novas oportunidades de negócios e de investimentos aqui e na região Nordeste, que, segundo estudo da CNI, já tem a Alemanha como o terceiro principal destino de suas exportações”.

O presidente da CNI explicou que o Encontro “acompanha as diversas ações realizadas ao longo do ano, para debater, entre o setor público e o privado, as principais demandas empresariais para a melhoria do ambiente de negócios entre Brasil e Alemanha”. 

Leia também:
Mourão se reúne com governadora do RN e empresários alemães em Natal

O 37º Encontro Empresarial Brasil-Alemanha (EEBA), que vai até o dia 17, é organizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Federação das Indústrias Alemãs (BDI), com o apoio da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (Fiern).

A participação da potência europeia na corrente de comércio do Brasil em 2018 foi de 3,75%. Mais de 54% dos produtos brasileiros exportados para a Alemanha são industrializados, incluindo máquinas mecânicas, automóveis, máquinas elétricas e produtos farmacêuticos.

Em relação às importações, 99% das mercadorias que o Brasil compra do país europeu são bens industriais. Pesquisa da CNI com empresários brasileiros que investem e exportam para a Alemanha mostrou os principais temas que precisam avançar na agenda dos dois países. O levantamento foi entregue ao governo brasileiro para subsidiar a reunião da Comissão Mista de Cooperação Econômica Brasil-Alemanha, que ocorrerá no dia 17 de setembro.

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: