O portal do Sistema Opinião

POP9

Orçamento

pe

MPPE vai receber R$ 2 milhões de emenda de deputado para usar em projeto

O procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros, visita os gabinetes parlamentares, em Brasília, desde agosto deste ano para conseguir recursos para desenvolver programas do órgão

setembro 27, 2019 às 14:32 - Por:

Segundo o MPPE, o recurso será usado em ações do “Cidade Pacífica”. Foto: Reprodução/MPPE

Segundo o MPPE, o recurso será usado em ações do “Cidade Pacífica”. Foto: Reprodução/MPPE

Após um périplo por Brasília em busca de recursos das emendas parlamentares, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) conseguiu R$ 2 milhões para desenvolver projetos na área de segurança pública. A verba virá do orçamento individual impositivo do deputado Federal Eduardo da Fonte (PP), que é investigado na Lava Jato.

Leia também:
MPPE vai a Brasília “disputar” verbas de emendas parlamentares com prefeitos

Segundo o MPPE, o recurso será usado em ações do “Cidade Pacífica”, um programa  que insta as prefeituras a apresentarem medidas em nove eixos temáticos: guarda municipal pacificadora; segurança nos estabelecimentos comerciais/bancários; esporte pacificador/cultura/lazer; mesa municipal de segurança; proteção integrada pacificando escolas; empresas solidárias; transporte pacificador; Iluminação pacificadora; e pacificando bares e similares (operação Bar Seguro).

O município adere ao projeto através de convênio firmado com o MPPE e fica obrigado a implementar os cinco primeiros eixos e selecionar outros dois, de acordo com a sua realidade.

Em agosto, o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros, e seu chefe de gabinete, Paulo Augusto de Freitas, esteve em Brasília e se encontrou com os deputados para pedir que eles destinem verbas ao MPPE. A ação é inédita no estado e traz polêmica pelo fato de o ministério público ser o fiscal da lei de municípios onde os deputados têm base eleitoral.

Com informações do MPPE

Rebeca Silva

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: