O portal do Sistema Opinião

POP9

Pressão

ne

Previdência: Maia conversa com governadores nesta terça e dá ultimato

Encontro ocorre um dia antes da data limite para reincluir estados e municípios na reforma da Previdência. Relatório final deverá ser votado nesta quarta-feira (3) na comissão especial da Casa

julho 1, 2019 às 19:00 - Por:

Rodrigo Maia tenta fechar acordo com governadores para que eles apoiem a reforma da Previdência. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Rodrigo Maia tenta fechar acordo com governadores para que eles apoiem a reforma da Previdência. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Ameaçados com a retirada de estados e municípios da reforma da Previdência, os governadores do Nordeste se reúnem nesta terça-feira (2) com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, em Brasília, para tentar fechar um consenso. Será o último encontro antes do parecer final do deputado Samuel Moreira (PSDB) ser votado na comissão especial da Casa, previsto para esta quarta-feira (3).

Caso os gestores aceitem apoiar a reforma e convençam seus deputados federais a votar favoravelmente, estados e municípios serão reincluídos no relatório. Para Rodrigo Maia, é preciso organizar as despesas públicas por meio de mudanças no regime de aposentadoria para que haja uma melhor transferência de recursos aos estados.

Em contrapartida, de acordo com Maia, pautas reivindicadas pelos governadores já foram “cedidas” pela Câmara, a exemplo da aprovação do projeto que estabelece melhor partilha dos recursos do petróleo da União.

Leia também:
Após conversa com governadores do Nordeste, Maia diz que acordo é incerto
“Uma torre de Babel”, preveem deputados sobre retirada de estados e municípios da reforma
Maia diz que estados e municípios ficarão fora da reforma e pressiona governadores do NE 
Bolsonaro defende aprovação da Previdência a mais recursos ao NE

Na semana passada, Rodrigo Maia chegou a conversar com os governadores, mas disse que o acordo para manter os entes federativos na proposta era incerto. Depois, ele conversou com líderes governistas e só agora volta à mesa com os gestores nordestinos, que se posicionam contrários a pontos polêmicos da proposta, como o regime de capitalização e a questão da aposentadoria do trabalhador rural.

Com informações da Câmara dos Deputados

Rebeca Silva

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: