O portal do Sistema Opinião

POP9

Resposta

br

“É de se estranhar tal comportamento em um cristão”, diz presidente da OAB sobre Bolsonaro

Declaração de Felipe Santa Cruz é uma resposta ao presidente da República. A jornalistas, Bolsonaro disse que contaria a Felipe como o pai dele desapareceu

julho 29, 2019 às 17:24 - Por:

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, disse que, assim como seu pai, Fernando Santa Cruz, está pronto para sacrifícios em prol da democracia. Foto: Reprodução/Facebook@felipesantacruz

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, disse que, assim como seu pai, Fernando Santa Cruz, está pronto para sacrifícios em prol da democracia. Foto: Reprodução/[email protected]

Após ter o pai citado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), o presidente Felipe Santa Cruz afirmou nesta segunda-feira (29) que “é de se estranhar tal comportamento em um homem que se diz cristão”. Para o advogado, é lamentável ter um presidente que trata a perda de um pai como se fosse um assunto corriqueiro. Felipe Santa Cruz tinha dois anos quando perdeu o pai, o olindense Fernando Santa Cruz, militante do movimento estudantil, preso por agentes do regime militar e desaparecido político.

Leia também:
Em crítica, Bolsonaro cita pai de presidente da OAB desaparecido durante a ditadura

“O mandatário da República deixa patente seu desconhecimento sobre a diferença entre público e privado, demostrando mais uma vez traços de caráter graves em um governante: a crueldade e a falta de empatia. É de se estranhar tal comportamento em um homem que se diz cristão”, escreveu o advogado no Twitter depois que Bolsonaro falou que contaria a Felipe Santa Cruz como o pai dele desapareceu.

Felipe lembrou ainda que seu pai tinha 26 anos quando foi preso. Na época, era funcionário público, casado e aluno do curso de direito. “Minha avó acaba de falecer, aos 105 anos, sem saber como o filho foi assassinado. Se o presidente sabe, por “vivência”, tanto sobre o presente caso quanto com relação aos de todos os demais “desaparecidos”, nossas famílias querem saber”, acrescentou o advogado.

O presidente da ordem destacou ainda que, assim como seu pai, está pronto para sacrifícios em prol da democracia. “O que une nossas gerações, a minha e a do meu pai, é o compromisso inarredável com a democracia, e por ela estamos prontos aos maiores sacrifícios. Goste ou não o presidente”.

Em resposta a Bolsonaro sobre as investigações do caso Adélio Bispo, autor do “ataque” contra o presidente, Felipe Santa Cruz afirmou que a OAB permanece irredutível em garantir o sigilo da comunicação do advogado de Adélio.

“O que realmente incomoda Bolsonaro é a defesa que fazemos da advocacia, dos direitos humanos, do meio ambiente, das minorias e de outros temas da cidadania que ele insiste em atacar. Temas que, aliás, sempre estiveram – e sempre estarão – sob a salvaguarda da Ordem”, complementou Felipe.

Rebeca Silva

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: