O portal do Sistema Opinião

POP9

Opinião

pe

Direção do Náutico tem estratégia louvável, mas corre risco de acomodação

Clube manteve base, porém contratou pouco até agora

dezembro 27, 2018 às 22:05 - Por:

Ortigoza deixou o clube e só cinco chegaram. Foto: Leo Lemos/Náutico

O bom desempenho na temporada 2018 fez a direção do Náutico adotar uma estratégia: manter boa parte do elenco e fazer poucas contratações para o ano seguinte. Até agora, o clube vem cumprindo à risca a ideia. Vários jogadores permaneceram e só cinco chegaram.

A atitude é louvável em meio a um mundo do futebol cheio de mudanças e trocas intempestivas. Só que a direção do Náutico precisa ter atenção para não se “acomodar” com o time que tem. O grupo alvirrubro tem qualidade, mas precisa de um nível mais alto para fazer uma temporada melhor em 2019.

Até agora, Diego Silva, Matheus Carvalho, Allan Patrick, Fábio Matos e Jorge Henrique foram contratados. Deixei Jorge por último para salientar que só ele chega com o perfil de titular. Diego, Matheus e Allan foram reservas nos dois amistosos e Fábio também vem mais para uma composição de grupo. Não quer dizer que os quatro não possam ganhar a posição, só não têm o “status” de titular, pelo histórico, qualidade técnica ou falta de experiência.

É sabido o orçamento apertado que o clube tem, mas também é preciso lembrar que o time terá três competições logo no início do ano (Estadual, Nordestão e Copa do Brasil) e será necessária mais qualidade para ir bem em todas. Os garotos da base são bons, mas não se pode depositar neles a esperança dos resultados. O grupo precisa de mais experiência e de atletas mais capacitados.

Fazendo o comparativo com 2018, o Náutico perdeu quatro titulares: Ortigoza, Dudu, Jhonnatan e Bryan e só ganhou um certo, que é Jorge Henrique. Ou seja, está no prejuízo. É preciso que a diretoria pondere que o elenco é interessante, a base tem valor, mas pra fazer um 2019 melhor, vai precisar trazer mais qualidade ao elenco.

Rafael Cabral

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: