O portal do Sistema Opinião

POP9

Começa agora

rn

Vai começar a Era Leonardo Bezerra no América

Grande desafio de Leonardo Bezerra na presidência do América vai ser tirar o time da Série D do Brasileiro

outubro 2, 2019 às 13:20 - Por:

Leonardo Bezerra será aclamado presidente do América com desafio de tirar time da Série D. Foto: Canindé Pereira

Leonardo Bezerra será aclamado presidente do América com desafio de tirar time da Série D. Foto: Canindé Pereira

Leonardo Bezerra será aclamado presidente do América na noite desta quarta-feira(02) na sede social do clube na avenida Rodrigues Alves.

O atual presidente, Eduardo Rocha não quis disputar a reeleição e conduziu o processo de escolha do sucessor dentro dos nomes que estavam atuando mais diretamente na diretoria. Leonardo ligado ao futebol e  Ricardo Valério na diretoria de marketing.

103 conselheiros estão adimplentes e em condições de votar. Os demais tem até 19h para regularizar situação na tesouraria do clube e participar do processo.

Leonardo Bezerra tem como vice Ricardo Valério e deve após ser aclamado, anunciar a contratação do treinador Waguinho  Dias, que admitiu estar negociando com o América.

A chegada de Leonardo à presidência do América não foi ainda dentro do processo eleitoral defendido pelos torcedores, que é a eleição direta, mas não deixa de ser um nome que saiu da “arquibancada” embora nos últimos anos tenha estado dentro do clube, dentro da diretoria.

Leia também:
Waguinho Dias muito perto de fechar com o América
Em Campo com Leonardo Bezerra

O treinador

Apesar de não querer anunciar, antes da aclamação, mas até as pedras do Forte dos Reis Magos sabem que Waguinho Dias será o comandante do América para a temporada 2020, onde tem desafios importantes, a começar pelo Estadual, passando pela Copa do Nordeste e Copa do Brasil, até o Brasileiro da D, competição que Waguinho conhece bem.

Ele comandou o Brusque na Série D deste ano onde conquistou o título da competição, eliminando o Manaus nas cobranças de tiros livres da marca do pênalti.

Ao longo da D, o Brusque de Waguinho Dias marcou 31 gols e sofreu 14, fazendo o artilheiro da competição Aldevan com 10 gols e Thiago Alagoano com 8.

Marcos Lopes

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: