O portal do Sistema Opinião

POP9

Falou tudo

rn

Treinador Ranielle Ribeiro abre o jogo no Tocando a Bola

Ex-treinador do ABC assume parcela de culpa no rebaixamento, fala dos critérios para contratações, dos erros e acertos e do futuro

setembro 3, 2019 às 23:38 - Por:

Treinador Ranielle Ribeiro foi o convidado do Tocando a Bola da terça-feira(03) e fez um balanço da passagem dele pelo ABC. Foto: Fernanda Araújo/98FM

Treinador Ranielle Ribeiro foi o convidado do Tocando a Bola da terça-feira(03) e fez um balanço da passagem dele pelo ABC. Foto: Fernanda Araújo/98FM

Ranielle Ribeiro, ex-treinador do ABC, foi convidado do Tocando a Bola da 98FM nesta  terça-feira(03) e falou sobre a montagem dos elencos de 2018 e 2019, reconheceu os erros cometidos, disse o que repetiria e o que não faria novamente e falou sobre futuro.

Estiveram comigo na entrevista, o comentarista Exmar Tavares e o repórter Jackson Capixaba.

As digitais de Ranielle Ribeiro na montagem dos elencos

” Vamos voltar para 2017. Ali o ABC de alguma forma teve sorte. Contratar não é só competência é sorte também, ali o ABC tinha  a base de uma Série B, que fez os últimos 10 jogos da Série B, Erivelton, Matheus Matias, Fessin, Tonhão, Arêz, então a contratação dos demais era mais para preencher lacunas, que no caso foram priorizados meninos de base de outras equipes foi mais por falta de dinheiro. O ABC tinha acabado de ser rebaixado, e só tinha como contratar naquela situação. Este anos (2018) já foi um pouco diferente, a gente teve que reformular todo o grupo e teve sim os erros de contratações  como você bem destacou, o próprio Pepe Alvarez, o próprio Bóris Sagredo foram assim os atletas que ficaram mais em evidência em relação aos erros”.

2018 e 2019

” Eu vejo o não caminhar no Campeonato Brasileiro muito por ter caminhado bem na Copa do Nordeste, que de alguma forma o atleta prioriza aquela (competição ) que vai dar o retorno mais rápido e maior e a Copa do Nordeste era uma cobrança da torcida coisa que aconteceu no segundo turno do Estadual deste ano (2019)  com a Copa do Brasil. Tinha o jogo importantíssimo com o Moto Club e de certa forma nos focamos na decisão e o segundo turno ficou meio a parte, também pela da sequencia que foi muito exagerada”

Engessado financeiramente

“Sobre as contratações nós também ficamos engessados pela questão financeira. Lembro que no inicio nós só podíamos fazer uma folha de 150 mil e nós fomos campeões do primeiro turno , caminhamos no Copa do Brasil. Um grupo que dizem que era limitado mas que nas minhas mãos era competitivo”.

Firmeza e cobrança por qualidade

” Hoje eu falo para vocês que isso ( ter cobrado mais a diretoria por contratações ) tenha sido meu maior erro e minha contribuição nessa fase que o ABC vivenciou em todo o ano. Não sei se outros reconheceram ao vivo a parcela de culpa que tiveram nessa jornada. Eu assumo publicamente, sou profissional e tenho hombridade, não preciso ficar jogando para diretoria, jogando para outros treinadores que assumiram, tenho minha parcela sim, mas isso não pode ser potencializado como definidor ( do rebaixamento ) eu fiz três rodadas pelo Brasileiro com dois jogos fora de casa e fiz 04 pontos, o que leva a crer que o meu trabalho e da comissão tem alguma qualidade. Mesmo com um grupo limitado era um grupo competitivo. Tenho 40 jogos como treinador dentro do Frasqueirão e 3 derrotas, então dizer que ia cair com a minha permanência, os números podem responder”

Giscard Salton

“Depositar a culpa toda no Salton eu não posso fazer. Eu via o que ele fazia pelo ABC. Talvez ele não tinha uma visão, um mapa para trazer jogadores como deveria, mas compensava em outras formas de administrar, vendas de jogadores, situações internas. Mas esbarrava em nível de conhecimento de alguns jogadores”.

Abaixo o programa na integra para você assistir. Muito bom o bate-papo com Ranielle Ribeiro onde ele fala nos critérios adotados para as contratações, escala o melhor ABC na visão dele. Vale a pena assistir.

Marcos Lopes

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: