O portal do Sistema Opinião

POP9

Na chave

rn

Treinador Moacir Júnior e o América para confronto de domingo

Moacir diz que “não tem que ficar inventando” na montagem do time e defende o trabalho de treinos fechados

Maio 30, 2019 às 16:26 - Por:

Moacir Júnior diz que não tem necessidade de inventar e fala nas opções para substituir Leandro Melo. Foto: Canindé Pereira

Moacir Júnior diz que não tem necessidade de inventar e fala nas opções para substituir Leandro Melo. Foto: Canindé Pereira

Moacir Júnior vai fechando a semana de trabalho para o jogo de domingo no estádio Ademir Cunha, em Paulista (PE) contra o América, na penúltima rodada da fase classificatória da Série D.

Para o confronto de domingo, o volante Leandro Melo está suspenso pelo terceiro amarelo e o treinador falou nas duas opções para o setor

“A gente não tem que ficar inventando, ou joga o Moreilândia ou joga o Fábio Santos (Makelelê) isso a gente está vendo. Os dois tem características de fazer a função , todos dois marcam muito bem, o Fábio tem uma pegada, o Moreilândia uma saída mais qualificada mas independente disso o América não pode perder a sua forma de jogar e qualquer um que entre, a gente tem a confiança que  é capaz de manter o nível e performance que o time vem tendo”

Leia também:

Nos próximos três anos o SBT é a casa da Copa do Nordeste

Treino fechado é prática no futebol brasileiro, apenas com “janelas” abertas para o trabalho da imprensa e Moacir Júnior abordou o assunto

” Em todo o Brasil se faz esse treino, é assim que acontece em todo o futebol brasileiro. O torcedor que gosta de acompanhar o treino tem a segunda e a terça. A partir da quarta-feira é 100% focado no jogo, a gente tem um campeonato duríssimo pela frente. Quando estiver banido do Brasil este tipo de treinamento nós também vamos banir. A gente não pode ser tolhido de trabalhar e acho importante a gente ter o direito de privacidade de cobrar e até de ser cobrado”

Evolução proporcionada pelo treino fechado

“A bola parada do América melhorou muito da final do Campeonato para cá, e  isso se deve  muito ao trabalho feito. Se eu tiver muita imagem dessa bola parada e o adversário tiver imagem desse trabalho posso ter problemas”

Retrospecto positivo no América

” Vamos fazer quatro meses de clube e eu digo que aqui foi o clube que eu trouxe menos atletas  grupo de  adaptou bem a minha forma de trabalhar e isso fez a gente fechar com bons números e conquistas e agora a gente segue no bom caminho. Queremos e precisamos de muito mais e todo o treino é de muita intensidade, na hora certa a  gente vai dar um refresco para o grupo. A gente ganhando ou empatando lá em Pernambuco  estaremos 100% classificados e ai vamos dar alguma coisa para o grupo, um dia de folga de treino, a gente vai negociando”

Espero um jogo muito difícil. Eles tem 100% de aproveitamento nos domínios deles e a gente espera chegar lá e tentar ter menos dificuldades. Sabemos que vai ser jogo difícil

Marcos Lopes

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: