O portal do Sistema Opinião

POP9

Esportes

rn

Programa Gol de Placa é sucesso na Paraíba e fortalece o futebol

Após reunião na FNF, Senador “compra” ideia da implantação de programa semelhante do ao da PB

Abril 5, 2019 às 20:05 - Por:

O Programa Gol de Placa, do Governo da Paraíba é uma ferramenta decisiva para o futebol daquele estado e é ao mesmo tempo um programa de educação tributária espetacular.  Depois de detectar alguns problemas em edições passadas, a partir deste ano, o torcedor só pode trocar notas fiscais por ingresso,  com as notas identificadas com o CPF.

Cada torcedor tem direito a até cinco ingressos por partida. A cada 50 reais em notas, tem direito a um ingressos. É simples: nota fiscal de 50 reais vale um ingresso; nota fiscal de 100 reais troca por 2 ingressos e assim sucessivamente. Mas o máximo por partida é de cinco ingressos por torcedor, que deve ter notas ou nota fiscal no valor de 250 reais. Torcedor que participa do Bolsa Família tem acesso a um ingresso apresentando nota fiscal de 20 reais.

Leia mais: Pleno do TJD vai apreciar Recurso do zagueiro André Natal

O programa  Gol de Placa contempla o Campeonato Paraibano e as competições  nacionais e regionais que os times paraibanos participem. De acordo com a previsão orçamentária do Governo da Paraíba, o Gol de Placa deve pagar aos clubes paraibanos da 1ª divisão R$ 4,1 milhões, o maior valor da história do programa.

No Rio Grande do Norte

O senador Jean-Paul Prates participou de reunião na FNF, a convite do presidente José Vanildo da Silva e depois de ouvir o dirigente e representantes de clubes presentes ao encontro, “comprou” a ideia da federação de implantar um programa semelhante ao da Paraíba.

O assunto já foi encaminhado para o Secretário Estadual de Tributação e a expectativa é que possa ser adotado no RN.

Não se trata de doação de dinheiro, nem de tirar verbas rubricadas para outras áreas, mas sim de um programa que vai ajudar a combater a sonegação na medida em que o torcedor vai passar a exigir a nota fiscal e que vai ajudar diretamente no fortalecimento do futebol.

É apenas uma questão de boa vontade política, e Jean-Paul Prates e o Governo do Estado podem marcar um golaço com um programa semelhante ao da Paraíba.

A FNF garantiu o presidente José Vanildo em conversa com o blog ” não tem nenhum centavo de dinheiro público. Trabalhamos em cima dos resultados do nosso marketing e do nosso comercial. Não quero doação de dinheiro público, isso não existe mais. O que eu defendo é a criação de um  programa amplo que seja mais amplo e que alcance também outros esportes, mas ninguém pode fechar os olhos para a força do futebol e o alcance que ele tem. Um programa como o que existe na Paraíba sem nenhuma dúvida será benéfico para todo segmento do futebol e do esporte”.

  • O vídeo para o Botafogo da Paraíba é uma criação da agência potiguar 10Sports

Marcos Lopes

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: