O portal do Sistema Opinião

POP9

Paredão

rn

América não sai do empate sem gols com o Bahia de Feira

Jair, goleiro do Bahia de Feira foi o nome do jogo com defesas que evitaram a vitória do América

Maio 18, 2019 às 19:19 - Por:

Jair, goleiro do Bahia de Feira foi o nome do jogo. Fez defesas monstruosas que evitaram vitória do América. Foto: Divulgação

Jair, goleiro do Bahia de Feira foi o nome do jogo. Fez defesas monstruosas que evitaram vitória do América. Foto: Divulgação

Primeiro tempo movimentado na Arena das Dunas, com o América tomando as ações e chegando com muito perigo. Uma bola de Adenilson no travessão e duas defesas importante do goleiro Jair.

Um Bahia muito bem postado em campo, explorando bem os contra golpes sem ter criado jogadas  claras de perigo nos 48 minutos iniciais de jogo, tanto que Ewerton não fez nenhuma defesa.

Mas foi um bom primeiro tempo.

Leia também:

Ranielle Ribeiro usa rede social para falar da demissão e agradecer apoio recebido no ABC

Na segunda etapa,o domínio do jogo foi do América,  que criou pelo menos quatro chances claras de marcar, parando todas elas em grandes defesas do goleiro Jair, o nome do jogo.

Teve muita intensidade o América, um grande volume de jogo.

A rigor, o Bahia teve uma única oportunidade no final do jogo com Cedrick que com o gol aberto mandou para a fora.

No sábado que vem tem o jogo na Arena Cajueiro, gramado sintético, já no returno da primeira fase.

Luto

No começo da tarde de hoje (18) faleceu em Ipatinga,  o  técnico Ney Da Mata que ano passado trabalhou no América. Ele tinha 52 anos e estava internado com pancreatite aguda.

Ney foi campeão Brasileiro da Série C pelo Boa Esporte, de Varginha, em 2016 e iniciou o projeto que culminou no título do CSA, na mesma competição, em 2017. Seu último clube foi o CRAC, de Goiás, neste ano.

Os treinadores !

Quintino Barbosa, treinador do Bahia de Feira

” Bom espetáculo. O América buscou o gol, tivemos uma formação no primeiro tempo, mudamos no segundo, o jogo foi muito franco, limpo e honesto”

Moacir Júnior, do América

Mérito muito grande do goleiro deles. Agora é trabalhar para o jogo de lá, nosso time correu muito hoje. O futebol apresentado pelo América é digno de elogios, tivemos 14 finalizações, tivemos a bola do jogo mas não concluímos. A gente não pode porque empatou começar queimar jogador ( Roger Gaúcho ) a gente vai rever o jogo novamente e estudar as situações que a gente vai ter no jogo de lá, em gramado sintético, e lá eles devem ter outra situação. Aqui eles deram dois chutes a gol. Jogando em casa o que a gente beira um pouco a loucura de propor o jogo o tempo todo, não vamos tirar o mérito do goleiro adversário, que quando tivemos três bolas letais ele evitou

Marcos Lopes

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: