O portal do Sistema Opinião

POP9

Denúncia

al

Adolescente de 15 anos é suspeito de estuprar sobrinha de 7

Mãe da menina denunciou o caso ao Conselho Tutelar após relato da vítima sobre abusos

Janeiro 11, 2019 às 10:15 - Por:

Um adolescente de 15 anos está sendo investigado pela Polícia Civil de Alagoas por suspeita de abusar sexualmente da própria sobrinha, uma criança de sete anos. Os abusos teriam ocorrido por pelo menos três vezes, na casa da avó da criança, no bairro do Clima Bom, parte alta de Maceió. A denúncia foi feita ao Conselho Tutelar pela mãe da vítima, que é irmã do suspeito, após a menina relatar os abusos.

Leia também: 
Uma criança ou adolescente sofre abuso sexual por dia em Alagoas
Depois do abuso sexual, o drama de conseguir a punição dos culpados
Sem números, perfil das vítimas vem da percepção dos profissionais
Onde buscar apoio para crianças vítimas de abuso sexual em AL?

De acordo com o Conselho Tutelar, que levou o caso à polícia, a vítima detalhou os abusos com clareza e segurança. A criança contou que os abusos teriam ocorrido ao menos três vezes e que o adolescente, tio dela, usava uma boneca para fingir brincar com a menina. “A vítima afirma que ele a chamava para brincar de fazer amor, pegava uma boneca para dizer que a boneca era a filha e a criança seria a esposa dele”, explica o conselheiro tutelar Fernando da Silva.

O Núcleo de Estatística e Análise Criminal da Secretaria de Segurança Pública registrou em Alagoas, até outubro de 2018 mais de 330 casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes — praticamente um caso por dia.

O agressor, na maioria das vezes está dentro da casa da vítima. Crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual precisam saber que contam com uma rede de apoio para denunciar os responsáveis pelos crimes. Confira aqui onde buscar ajuda em casos de violência sexual contra crianças e adolescentes. 

Mariane Rodrigues

Comentários

OP9

Receba nossa newletter

Com que frequência deseja receber o informativo: